Após ficar fora da segunda fase do estadual, time da Série C demite treinador - Gazeta do Futebol
Após ficar fora da segunda fase do estadual, time da Série C demite treinador

Após não conseguir se classificar para a segunda fase do Campeonato Baiano, o Vitória anunciou nesta quinta-feira (17), o desligamento do técnico Dado Cavalcanti.

Também deixaram o clube o assistente técnico Pedro Gama e o preparador físico Leonardo Fagundes. Outro que deixou o Barradão foi o diretor de futebol Alex Brasil.

Mesmo vencendo o Bahia de Feira por 2 a 1, o Leão não conseguiu passar para as semifinais. O time terminou a primeira fase na quinta colocação com 13 pontos, um ponto atrás do Barcelona de Ilhéus, o quarto colocado.

“O Esporte Clube Vitória agradece ao profissional pela sua dedicação em sua primeira passagem no comando da equipe e deseja êxito na continuidade da carreira”, escreveu o Vitória em comunicado emitido pelo clube.

Aproveitamento no Vitória

Contratado no final do ano passado, Dado Cavalcanti dirigiu o Vitória em apenas dez jogos, sendo nove pelo estadual e um pela Copa do Brasil. Ele conseguiu três triunfos, cinco empates e sofreu duas derrotas. O aproveitamento é de 46,6%, com oito gols marcados e sete sofridos no período.

O Rubro-Negro volta a campo na próxima quarta-feira (23), pela segunda fase da Copa do Brasil. O Rubro-Negro recebe o Glória-RS, no Barradão, para um confronto único eliminatório.

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.