São José x Brasil de termina com tumulto nas arquibancadas. Clubes se manifestam - Gazeta do Futebol
São José x Brasil de termina com tumulto nas arquibancadas. Clubes se manifestam

São José e Brasil empataram em 1 a 1 na noite deste domingo (1º), no estádio Francisco Novelletto, em Porto Alegre. O jogo foi válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série C e o bom futebol apresentando pelas equipes, sobretudo no primeiro tempo, acabou ficando em segundo plano. Tudo por conta de uma briga envolvendo torcedores tão logo foi dado o apito final.

Imagens que circulam nas redes sociais mostraram os torcedores dos dois clubes entrando em conflito, cadeiras sendo arremessadas e até bombas enquanto jogadores que ainda estavam em campo pediam calma. Houve feridos e os fatos foram registrados pelo árbitro José Mendonça Júnior na súmula da partida.

“Fomos informados pelo delegado da partida Sr Marcos Caduri, que após o término da partida, já com equipes e arbitragem nos vestiários, a torcida da equipe GE Brasil invadiu a área da torcida organizada do EC São José. Houve tumulto generalizado, torcedores feridos e ocorrência em andamento com a Polícia Militar e acompanhada do delegado da partida. Posteriormente o mesmo encaminhara relatório a respeito dos fatos”, escreveu o árbitro na súmula. O documento está disponível no site da CBF.

Torcedores do Xavante afirmam, no entanto, que a confusão começou quando torcedores do time da casa tentaram roubar uma faixa da torcida, o que gerou a briga.

Clubes se manifestam

Nesta segunda-feira (2), os dois clubes fizeram uso de suas redes sociais para condenar os acontecimentos da véspera.

“O E.C. São José lamenta e repudia os atos de violência deste domingo no Passo d’Areia. Repudiamos a violência dentro ou fora do campo. Futebol não combina com violência. Aguardamos apuração pelas autoridades e seguimos, desde o momento dos fatos, à disposição para esclarecimentos”, postou o São José.

“O Grêmio Esportivo Brasil vem a público se manifestar em relação aos ocorridos após a partida de ontem, contra o São Jose. O clube repudia qualquer forma de violência, colabora para o esclarecimento dos acontecidos, e então tomará as medidas cabíveis”, postou a assessoria de imprensa Xavante.

Os times voltam a campo no próximo sábado (7). O São José vai até Fortaleza pegar o Ferroviário às 15 horas no Elzir Cabral. Um pouco mais tarde, às 19 horas, o Brasil recebe o Remo no Bento de Freitas.