Fim da linha para Jair Ventura na Chapecoense

Mais um treinador perdeu o cargo no Campeonato Brasileiro da Série A. Após a derrota por 1 a 0 para o Santos, na Arena Condá, na noite deste domingo (1º), a diretoria da Chapecoense decidiu dar um ponto final à passagem do técnico Jair Ventura. Ele deixa o clube com 10 derrotas e quatro empates em 14 jogos e com aproveitamento de 9,5%.

A camisa do seu time está na Centauro. Confira os lançamentos

Além do treinador, também deixaram o clube o auxiliar Emílio Faro, o preparador físico Ricardo Henriques e o analista Antonio Macedo.

O técnico assumiu a equipe em 2 de junho, no lugar de Mozart, que havia sido desligado após a perda do título estadual para o Avaí. Ele dirigiu o time em 13 jogos no Brasileirão e um na Copa do Brasil, quando perdeu por 3 a 0 o jogo de volta da terceira fase para o ABC, em Natal, e acabou eliminado da competição. O time havia chegado ao Rio Grande do Norte com a vantagem de poder perder por um gol de diferença.

A Chapecoense volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro na próxima segunda-feira (9), quando encara o Grêmio em Porto Alegre. Enquanto a diretoria não escolhe um novo treinador, o time será dirigido pelo auxiliar Felipe Endres.