Com gol de Walter, Botafogo vence Ituano de virada e cola no G4

O primeiro turno do grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C foi fechado na manhã deste domingo (25), no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, quando o Botafogo venceu o Ituano, de virada, por 2 a 1, e colocou no G4. Com o resultado as duas equipes somam 16 pontos, têm zero gol de saldo, mas o Galo fica na quarta posição por ter um gol a mais marcado: 10 contra nove.

O resultado quebrou uma sequência invicta do time de Itu, que vinha de um empate em cinco vitórias consecutiva. Já o Pantera já não perde há três partidas.

O jogo

O primeiro tempo teve boas chances de gols para as duas equipes. Apesar de ter mais posse de bola e tentar controlar o jogo, o Botafogo não contou com boa partida de Gustavo Xuxa, principal articulador da equipe.

O time visitante teve sua primeira grande chance aos 17 minutos, quando após cruzamento, Rhuan chegou com tudo para cabecear a bola no canto, mas o goleiro Igor Bohn foi buscar e salvou o Botafogo.

O Ituano saiu na frente aos 38 minutos. Em cobrança de falta de Eduardo Ramos, a zaga do Botafogo para e reclama de irregularidade. O árbitro nada assinala, e Lucas Nathan aproveitou para abrir o placar com um toque para dentro da meta.

Ainda no primeiro tempo, o goleiro do Botafogo salvou o que seria o segundo gol dos visitantes. Aos 40 minutos, em jogada de contra-ataque Lucas Nathan chega batendo e o arqueiro tricolor salva mais uma.

No intervalo o técnico Argel tirou John Everson, e colocou Rafael Tavares. Logo no primeiro minuto do segundo tempo, após levantamento de Pará no escanteio, Walter desvia de cabeça e marca seu primeiro com a camisa do Pantera.

Apesar de conseguir o gol de empate, o time da casa não abdicou do estilo de jogo agressivo, e se manteve em cima contra um Ituano que buscou, em contragolpes, voltar a ter a vantagem no placar. O forte calor e a baixa humidade fez as equipes irem diminuindo o ritmo a medida que o tempo passava.

A virada do Botafogo veio aos 40 minutos com um belo gol anotado por Neto Pessoa. Ele encheu o pé de fora da área e acertou o ângulo de Pegorari.

O Ituano teve a chance do empate dois minutos depois em um chute de Kadu Barone, que acertou a trave de Igor Bohn. Aos 46 houve ainda uma segunda bola na trave para o Ituano, mas o lance já estava invalidado.

O Botafogo volta a jogar no próximo domingo (1º), às 16 horas, contra o São José, no Francisco Novelletto, na região metropolitana de Porto Alegre. O Ituano terá um tempo maior, já que só retorna aos gramados no dia 4 de agosto, quando recebe o Criciúma no Novelli Júnior, às 17h.

As escalações

Botafogo entrou em campo com: Igor Bohn; Rodrigo Ferreira (Marlon), Yan Victor, Diego Guerra e Pará; John Everson (Rafael Tavares), Caetano e Gustavo Xuxa; Ariel (Bruno Santos), Neto Pessoa (Victor Bolt) e Walter (Rafael Marques).

A formação do Ituano foi Pegorari; Pacheco, Mateus, Bernardo e Rhuan; Jiménez, Bruno Lima (Marcelo) e Eduardo Ramos (Fernandinho); João Victor (Kadu Barone), Tiago Marques e Lucas Nathan (Iago).

Trio de arbitragem Rafael Carlos Salgueiro Lima (AL), Pedro Jorge Santos de Araujo e Ana Paula dos Santos