Com contrato perto do fim, volante está próximo de deixar o Goiás

Está próximo do fim a passagem do volante Sandro pelo Goiás. Contratado no início da temporada como um dos principais reforços da equipe, Sandro tem contrato com o Esmeraldino até o próximo dia 31 de dezembro.

“Como o contrato não será renovado e provavelmente não seria utilizado neste jogo contra o Grêmio, solicitei à direção que ficasse em Goiânia treinando e aprimorando a parte física. Eu só tenho a agradecer ao Goiás por ter aberto a porta para eu retornar ao Brasil depois de dez anos. Tivemos um início positivo, mas após a pandemia as coisas acabaram não acontecendo da maneira que eu esperava por diversos motivos”.

“Não estou abandonando o clube, bem pelo contrário, mas por estar definido que não permaneço para o restante da competição, acredito que a diretoria e comissão técnica estejam optando em dar sequência aos atletas que continuarão lutando para tirar o clube dessa posição delicada na tabela de classificação”, destacou o volante.

Aos 31 anos, Sandro vestiu a camisa Esmeraldina em vinte oportunidades, tendo conquistado oito vitórias, três empates e nove derrotas. “Fui muito bem recebido por todos no Goiás e o que fica é o meu sentimento de gratidão. Até dia 31 de dezembro sigo à disposição da comissão técnica e na sequência vou discutir o futuro com meus representantes”, finalizou o jogador.

Após dez anos atuando no futebol europeu, inclusive acumulando convocações para a seleção brasileira, Sandro não descarta voltar a atuar no futebol do exterior. “Eu estou aberto a todas as possibilidades. Essa temporada foi bastante atípica em função da pandemia. Acredito que prejudicou bastante, não só eu, mas todos os jogadores e clubes. Espero que 2021 as coisas melhorem e que a gente possa voltar a viver normalmente”, finalizou Sandro.