Às vésperas de jogo decisivo na Bezinha, time demite treinador

Dois dias antes do jogo contra o Tanabi, que decidirá se o time seguirá na briga pelo acesso, a diretoria do Andradina decidiu demitir o técnico China. A demissão aconteceu após a goleada por 4 a 1 sofrida diante do América, o que impediu a classificação antecipada do Foguete para as oitavas de final do Campeonato Paulista da Segunda Divisão.

Para o duelo desta quarta-feira (19), o time será dirigido pelo preparador físico João Dreisson, já que o Auxiliar técnico Mateus Bueno está suspenso após levar o terceiro cartão amarelo.

Caso a confirmação seja confirmada, a partida do mata-mata a equipe será dirigida por Mateus Bueno, que no ano passado foi auxiliar técnico no profissional do Fernandópolis e técnico do Sub20 também do Fernandópolis.

O clube não quis revelar os motivos que culminaram na demissão de China, mas notícias de vestiários dão conta que havia um desgaste do elenco e comissão técnica com o treinador e isso se agravou após a derrota em São José do Rio Preto.

O Andradina é o segundo colocado do grupo 1 com 10 pontos ganhos, dois a mais que seu adversário. Uma vitória lhe classifica para a segunda fase, enquanto que se houver empate, terá que torcer para que o América não derrote o Bandeirante, em Birigui. A partida será às 15 horas, no estádio Evandro Calvoso, em Andradina.