Após mais um jogo sem vitória na Série C, treinador pede demissão

Após o sétimo jogo seguido sem vitória no Campeonato Brasileiro da Série C, o Volta Redonda ficou sem treinador. Nesta segunda-feira (26), a diretoria do clube anunciou que aceitou o pedido de demissão do técnico Luizinho Vieira após a derrota para o Tombense por 1 a 0. Junto com ele também sai seu auxiliar técnico Serginho Tanaka.

Ele chegou ao clube em novembro do ano passado e dirigiu a equipe em 25 partidas, obtendo 10 vitórias, sete em empates e oito derrotas, sendo que quatro dessas derrotas foram na Série C. Os dirigentes estudam alguns nomes e deve anunciar o substituto.

“Conversei muito com o Luizinho, que, com muita dignidade como sempre teve, decidiu por entregar o cargo. Agradecemos muito este um ano de trabalho dele no Volta Redonda, onde fez um excelente Estadual, fazendo a segunda melhor campanha da história do clube, garantiu a vaga na Copa do Brasil, acreditou muito na nossa base colocando atletas para jogar, deixa a equipe ainda na briga pela classificação na Série C e, com certeza, deixará muitos ensinamentos no clube”, disse o vice-presidente do clube Flávio Horte Júnior.

O Volta Redonda, que chegou a liderar a Série C nas primeiras rodadas, aparece na sexta colocação com 14 pontos ganhos. São dois pontos atrás da zona de classificação e cinco de vantagem para a zona de rebaixamento.

A equipe volta a jogar no sábado (31), o Luso-Brasileiro, às 15h30, contra o São José, que o oitavo colocado, com um ponto a menos.