Um dia depois de deixar Paysandu, Matheus Costa é apresentado em time da Série B

O técnico Matheus Costa não ficou muito tempo desempregado. Um dia após ter sido dispensado do Paysandu, o treinador foi apresentado ao Operário do Paraná. Na apresentação ao novo clube, ocorrida nesta quinta-feira (22), ele comentou sobre o ambiente que enfrentou no Papão.

Segundo ele, havia um ambiente muito instável causado por questões políticas dentro do clube que está em período eleitoral e existe uma grande disputa pelo controle.

“Essa minha passagem pelo Paysandu, de 25 dias aproximadamente, teve o ambiente muito conturbado. Um ambiente político conturbado, um ambiente financeiro com grandes dificuldades. Isso acabou refletindo nos resultados”, disse o técnico.

Ele disse ainda que procurou ajudar de todas as formas, mas que talvez o mesmo importante fosse o trabalho dentro de campo mas haviam “outras questões que envolveram as situações e o reflexo vai para o resultado”.

Costa fez questão ainda de elogiar seu novo clube, o qual disse ser muito sério e um dos poucos que cumpre com o que falam.

“A partir do momento que recebi o convite não tive o receio de vir para cá. Muito agradecido pela oportunidade de trabalhar nesse clube sério, com pessoas capacitadas, competentes”, disse.

Ocupando a 11º posição com 22 pontos em 17 jogos, o Operário volta a jogar pela Série B nesta sexta-feira (23), quando terá um duro compromisso contra a líder Chapecoense. A partida será às 21h30, na Arena Condá, em Chapecó.