Tombense 4 x 0 São José: Com show de Rubens, Carcará se recupera em grande estilo na Série C

Após a derrota por 3 a 0 para o Ituano na estreia, o Tombense se recuperou em grande estilo no Campeonato Brasileiro da Série C ao golear o São José do Rio Grande do Sul por 4 a 0, na tarde deste sábado (15), no estádio Antônio Guimarães de Almeida, em Tombos.

Com o resultado, o time mineiro somou os três primeiros pontos na competição e ainda deixou seu saldo de gols positivo. Já os gaúchos seguem com os mesmos três pontos conquistados na estreia, contra o São Bento.

O jogo

O duelo em Tombos começou bem devagar e as equipes demoraram para criar as chances de perigo. A primeira grande oportunidade de gols saiu aos 22 minutos, com um arremate de Lucas Falcão. A resposta dos gaúchos veio aos 332 em um chute de fora da área de Gustavo Xuxa, que obrigou o goleiro Felipe Garcia trabalhar.

O time da casa abriu contagem ainda no primeiro tempo, quando aos 38 minutos Gabriel Lima fez boa jogada, a bola ficou com David que cruzou da direita e Rubens apareceu na marca do pênalti para estufar as redes.

O artilheiro da tarde Rubens voltou a aparecer logo aos seis minutos do segundo tempo em uma finalização que ainda resvalou na defesa adversária e foi para o fundo das redes.

Aos 26 minutos Gabriel Lima foi derrubado na área. Pênalti que Rubens se apesentou para a cobrança e não desperdiçou, fazendo seu hat trick na partida e assumindo a artilharia da Série C.

Aos 42 minutos outro pênalti para o time da casa. Maycon Douglas recebeu na área e foi derrubado. Ele mesmo se encarregou de cobrar o tiro livre e fechar a goleada.

O que vem pela frente

O São José será o primeiro a voltar em campo pela terceira rodada da Série C. Na próxima quinta-feira (20), recebe o líder Brusque no Estádio Francisco Novelletto.

Já o Tombense enfrenta o Volta Redonda no sábado (22), às 15h30, no Estádio do Trabalhador, em Resende, contra o Volta Redonda.

Escalações das equipes

Tombense: Felipe Garcia; David (Da Silva), Admilton, Matheus Lopes e João Paulo (Manoel); Falcão (Serginho), Ibson e Marquinhos (Jhemerson); Cássio Ortega (Maycon Douglas), Gabriel Lima e Rubens. Técnico: Eugênio Souza.

São José: Fábio, Tcharles, Rafael Goiano, Marcão e Roger; Diguinho (Thayllon) e Lissandro; Gustavo Xuxa, Rafael Tavares e Maradona; Tiago Pará (Vitor Júnior). Técnico: Everton Vanoni.